4 de Julho – James Patterson (Resenha)

4dejulhoDevo admitir que iniciei a leitura de 4 de Julho logo após me “recuperar” de uma ressaca literária. Busquei por um autor que ainda não conhecia, queria uma novidade interessante e foi aí que conheci James Patterson. Seu “currículo” me chamou bastante atenção e logo fiquei curiosa para ler uma obra do autor de suspense mais vendido no mundo.

Resolvi começar pela série “Clube Das Mulheres Contra O Crime”. 4 de Julho, o primeiro livro, narra a historia da condecorada Tenente Lindsay Boxer que após perseguir dois adolescentes suspeitos de homicídio e matar um deles, se vê no banco dos réus sendo processada pelos pais dos garotos. Com o intuito de espairecer e sair do foco da mídia que a crucifica, Boxer, temporariamente afastada de seu serviço, deixa São Francisco, cidade onde mora, e vai passar um tempo na casa de sua irmã, em Half Moon Bay.

É então que, para sua surpresa, descobre que estão acontecendo homicídios em série na pacata e tranquila cidade, todos seguindo o mesmo padrão de um de seus antigos casos não solucionados. A tenente então decide abrir mão de seu descanso e iniciar uma investigação por conta própria.

Os homicídios recentes são direcionados a casais que possuem uma família aparentemente perfeita, mas as semelhanças param por aí. Alguns de alta classe, outros de baixa renda, nenhuma ligação entre si. Nas mortes, todos tem a garganta cortada e são açoitados diversas vezes, mesma forma que morreu o adolescente de seu caso de 10 anos atrás. Sei que devem ter se perguntado “E onde estão as mulheres contra o crime, visto que a história aborda apenas uma?”.

Pois deixem-me esclarecer que a protagonista já citada, é fielmente acompanhada e apoiada por suas duas amigas de longa data e sua advogada que, espero eu, tenham uma participação mais significativa nos próximos livros, pois, por mais que sejam o porto seguro de Lindsay, pessoas com as quais ela pode contar sempre, e até façam umas e outras aparições no livro, as personagens tiveram uma importância mínima (com exceção da advogada Yuki, que foi mais presente por fazer a defesa de Lindsay).

Claire é medica legista, e até vai à Half Moon Bay onde é convidada a se juntar a protagonista para obter informações sobre o laudo de uma das vítimas da cidade, e quando pensamos que a personagem se envolverá mais com as investigações, juntamente com a amiga, ela apenas vai embora de mãos abanando, sem acrescentar auxílio algum ao enredo. Já Cindy é uma jornalista policial de um jornal conceituado e oferece ainda menos auxílio que Claire, sendo útil apenas com seu apoio moral.

Tendo o suspense como foco, a história pouco aborda o romance que Boxer vive com Joe, que é pouco presente por ter um cargo importantíssimo (não especificado, mas algo relacionado à segurança nacional), e nas duas ou três vezes em que se encontram durante o livro, logo sai em disparado quando o trabalho o chama. Porém, é explicado que por mais que o ame, Lindsay fica um pouco insegura com a relação por não haver estabilidade, e pelo fato de ambos serem divorciados.

James Patterson criou uma trama muito envolvente, que deixa o leitor ansiosíssimo pelo próximo capítulo, como se fechar o livro não fosse uma opção. De forma muito sutil partiu a historia e nos faz acompanhar um drama em São Francisco, onde o julgamento se aproxima, o que tira o sono de Lindsay, e outro em Half Moon Bay, no qual a cada dia a tenente se envolve mais e mais com o caso em que não existem pistas, assumindo-o como questão de honra, sem fazer a trama perder a graça com as mudanças de foco.

Os personagens todos são muito cativantes desde o inicio de sua aparição no livro e o final é com certeza surpreendente, nos deixando de queixo caído.

Então, se você gosta de um suspense e adora um romance policial cheio de  mistérios a desvendar, este, sem duvida, é um livro que indico sem pensar duas vezes! Mesmo que tratando de assassinatos em série, o livro não chega a ser “sanguinário” e garanto que não há problema em lê-lo antes de dormir (exceto pelo fato de que não conseguirá largá-lo para fechar os olhos rsrs), pois não existem descrições precisas e detalhadas sobre os homicídios. O foco é a investigação e a forma com a qual a tenente desvendará os crimes. Uma leitura fácil, rápida e que prende o leitor do início ao fim. Espero que leiam e gostem tanto quando eu!!!

Título: 4 de Julho

Autor: James Patterson

Editora: Arqueiro

Páginas: 224

Ano de Publicação: 2011

Gênero: Policial

Avaliação:
3 ESTRELAS

 

Se vocês já leram, deixem seus comentários e a opinião sobre o livro!!

Conhecem outros títulos desse autor??

Muitos, muitos beijos!!  =*

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s